728 x 90
728 x 90

Nas cinco edições anteriores, cerca de 12 mil pessoas assistiram a mais de 179 documentários, muitos deles inéditos na Bahia e Brasil.

Desde 2010, exibimos filmes de consagrados realizadores internacionais, tais como Agnès Varda, Sophie Calle, Johan Van der Keuken, Pedro Costa, Nicholas Klotz, Abderrahmane Sissako e Avi Mograbi, cujas obras são essenciais ao entendimento da história do documentário mundial.

Tivemos o prazer de conviver e dialogar com experientes documentaristas, como Geraldo Sarno e Vincent Carelli, e com alguns dos mais importantes pesquisadores do gênero no Brasil, como Consuelo Lins, Cesar Migliorin, César Guimarães, André Brasil e Eduardo Valente, bem como com jovens realizadores e premiados, a exemplo de Marcelo Pedroso, Emílio Domingos, Petra Costa, Henrique Dantas e Ariel Ortega.

O Festival promove o intercâmbio de ideias e incentiva que a cidade de Cachoeira e o estado da Bahia conectem-se ao mundo através do cinema. Para tanto, foram realizadas 10 oficinas e 17 mesas-redondas, que ocuparam lugar de destaque na programação.

189074_157337164323972_1300534_n

“Pela seriedade e competência com que conduz os temas, pela meticulosidade da curadoria, pelo cuidado com a formação do público e pela excelência no tratamento de questões técnicas ligadas às projeções e logísticas do evento, o CachoeiraDoc tem crescido exponencialmente no respaldo de que goza junto a quem trabalha ou simplesmente gosta de documentário no Brasil – e isso só tende a crescer”. Marcelo Pedroso.

384242_261657393891948_392629322_n

“Eu fico contente da vida em saber que Cachoeira existe no mapa do Brasil. O que me deixa mais contente é saber que nessa cidade tão assim mágica, tão assim bela, tão assim antiga e quase esquecida, algo começa de muito novo e potente, jovens se encontram para ouvir os mais velhos, para aprimorar e inventar formas de continuar o mundo (com o cinema).” Carla Maia.